Portugal: ANTÓNIO COSTA DEFENDE QUE AUMENTO DO SALÁRIO MÉDIO EM 20% É “ABSOLUTAMENTE COMPATÍVEL” COM EVOLUÇÃO DOS ÚLTIMOS ANOS

O primeiro-ministro, António Costa, defendeu esta quarta-feira, que o aumento do salário médio em 20% ao longo da sua legislatura é “absolutamente compatível” com a evolução salarial nos últimos anos em Portugal.

Paulo Mota Pinto, líder parlamentar do Partido Social-Democrata (PSD), criticou o Governo sobre a sua intervenção quando apelou aos empresários para que subissem os salários, desafiando o primeiro-ministro António Costa a explicar se este se referia ao aumento real ou nominal dos salários.

António Costa, em resposta, atirou: “O nosso peso atual é de 45%, a meta é chegar aos 48% que é a meta europeia. Para essa trajetória temos de ter uma evolução do salário médio, essa evolução é absolutamente compatível com a evolução do salário médio que temos tidos nos últimos anos. Ou ignora qual tem sido?”.

No entanto, o líder parlamentar do PSD alertou para a desatualização dos números, pedindo cuidado a Costa, questionando-o: ““Sendo um aumento real, tem consciência do que está a exigir aos empresários, um aumento nominal dos salários superior a 35%?”.

Numa troca de acusações entre Paulo Mota Pinto e António Costa, o social-democrata acusou o primeiro-ministro de ser “o menos reformista do século e de não ter criado condições mínimas para as empresas prosperarem”, atirando algumas questões: “Porque não começou por dar o exemplo nos trabalhadores da função pública e nem sequer previu um aumento em linha com a inflação? É fácil prometer subidas de salários à custa do dinheiro dos outros. Como vai impor, criando um ministério dos salários à soviética?”.

António Costa respondeu com alguns pontos incluídos no programa do Governo, salientando que será negociado um acordo de competitividade e de rendimentos, acrescentando que “quanto à função pública: reposição dos vencimentos que tinham sido cortados, reposição das carreiras que tinham sido congeladas e, em terceiro lugar, princípio de atualização anual. Foi assim que fizemos e assim continuaremos a fazer e assim negociaremos com os sindicatos”.

Arrabia Guest Houses

Licenciado em Comunicação e Relações Públicas - Instituto Politécnico da Guarda, Portugal. Mestre em Relações Internacionais - Universidade de Wroclaw, Polónia. [ View all posts ]

Go to TOP
Translate »