RESPONSÁVEL POR RÁDIO NOS EUA DIZ QUE PORTUGAL NÃO SE INTERESSA PELA COMUNICAÇÃO SOCIAL DA DIÁSPORA

O fundador da Rádio Portugal USA, na Califórnia, disse que há pouco conhecimento e interesse em Portugal sobre os meios de comunicação da diáspora portuguesa, o que se reflete na falta de apoios. 

“Portugal não se interessa pela comunicação social da diáspora, na minha opinião”, afirmou João Manuel Dias, também responsável pela criação do Diáspora Media Group nos Estados Unidos. 

“Portugal não tem conhecimento absolutamente nenhum do que as nossas rádios na diáspora fazem a favor da comunidade e em nome de Portugal”, salientou. “Nós é que estamos a desenvolver o nome de Portugal”. 

João Manuel Dias falava esta madrugada na última edição semestral do projeto “As Nossas Vozes”, organizado em parceria pelo Conselho de Liderança Luso-Americano (PALCUS) e o Instituto Português Além-Fronteiras (PBBI), sob o tema “A Rádio de Língua Portuguesa nos Estados Unidos”. 

À frente da estação WJFD em New Bedford, Paulina Arruda também participou no debate e corroborou a ideia de que há pouco interesse em Portugal sobre o que se faz nas comunidades. 

“Portugal não reconhece a importância e o valor da comunicação social portuguesa nas comunidades e não reconhece a importância e o valor das comunidades portuguesas”, afirmou a responsável. 

exclusive-rating
Go to TOP
Translate »