JUNTOS…

por DANIEL SANTOS
25 de Novembro 2020

Eles andam sempre juntos… mas não são como os “outros”, eles falam-se. E muito. Provavelmente até falarão demais, emitem muitas palavras mas pouco dizem. E, às vezes, contradizem-se. Ou apenas fingem. Porque são políticos. De tarimba – e ambos sabem que a política também é fingimento. Ou apenas fingimento…

Juntos no poder, juntos no governo. Se um diz mata, logo o outro, embora mais contido, diz que sim mas não se esfola. Jogam um jogo de interesses comuns. Alinhados, como na tropa, e coordenados no esquerda volver! Eles andam sempre juntos, um no Minho, outro no Algarve, mas sempre juntos! Numa verdadeira união de facto. E de factos. Com comunhão de bens, ora essa!

Até na oração se juntam e juntos fingem que têm algo por dentro. Coração? Amor? Sentimentos? Verdade? Fé? Por quem rezarão estas duas almas penadas? Por eles, obviamente! A quem confessarão os pecados que não os atormentam? A quem pedirão perdões e absolvições? Aos Portugueses, certamente, ainda ingénuos e crédulos apesar de mais de 46 anos de promessas nunca pagas, de enganos, de papas e de bolos com que se vêm enganando os tolos…

Há dias foram a Fátima. De carro, não a pé, não de joelhos. No mesmo dia e à mesma hora. Juntos, dizem ter rezado pelos Portugueses. Pelos mortos, que já não votam, para agradar aos vivos, que ainda votam. Juntos pediram à Senhora de Fátima que leve para junto de si o André Ventura, o Rui Rio e mais uns tantos, poucos, que os criticam! Quais Judas que se vendem a troco da sua manutenção nos cargos que ocupam, traindo os cristos em que nos tornaram, juntos se benzeram e juntos regressaram a Lisboa. Convencidos de que a santa ainda faz milagres, aguardam pela sua aparição em dia de eleições, quaisquer que elas sejam, esperando dela também o bendito voto que os manterá, ainda juntos, no poder terreno por que fizeram toda esta encenação…

Será que em Lisboa há azinheiras? Espero bem que não…

Comments

be the first to comment on this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Go to TOP
Translate »