Brexit: Tribunal de recurso escocês considera ilegal a suspensão do Parlamento

Um tribunal escocês considerou hoje ilegal a decisão do primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, de suspender o Parlamento do Reino Unido, mas não ordenou a revogação da suspensão.

Os juízes disseram que o Tribunal Supremo britânico deve tomar a decisão final. Contudo, na passada semana, um tribunal em Londres não considerou ilegal o fecho do Parlamento pelo Governo até dia 14 de Outubro.

Um grupo de parlamentares está a contestar a decisão do Governo de suspender o Parlamento por cinco semanas,  pouco mais de duas semanas antes da saída da Grã-Bretanha da União Europeia. Teremos de esperar a decisão do Supremo para sabermos se a decisão do Boris Johnson foi, ou não, ilegal.

Comentários

be the first to comment on this article

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Ir para TOPO
Translate »